18 de dezembro de 2010

Mikko Hirvonen blog: Uma história de Natal - Parte III

Okay, depois de ir para o aeroporto errado, eu finalmente encontrei uma maneira de chegar ao aeroporto internacional de Dusseldorf. E lá estava o hotel Sheraton com a sua cama, apenas esperando por mim, uma cama para eu dormir. Eu abasteci meu carro, levei o de volta para a Hertz, e caminhei para o Hotel. Se você está lendo tudo, estou certo que você poderá advinhar o que acontecerá em seguida.???? Exatamente. Por alguma razão não havia nenhuma reserva no hotel que estava completamente lotado. Desta vez pelo menos eu estava no lugar certo... Era quase 23:30. Depois de algum tempo caminhando nas proximidades do hotel, tudo que eu poderia fazer era telefonar para algum outro hotel e reservar um quarto para mim. E eles reservaram. E usaram meu cartão de créditos para a confirmacão também... Caminhei de volta para o aeroporto e encontrei um taxi o qual me levou para o centro da cidade. Eventualmente encontramos o hotel. Caminhei para uma cadeira. Dei meu passaporte e disse que tinha telefonado e feito uma reserva cerca de 20 minutos atrás... O cara não encontrou nada... Eu não poderia acreditar nisto... Gostaria de saber onde o número do meu cartão de crédito foi então, porque é certo que não tem nada confirmado aqui. Eu perdi tudo, mas de repente o cara encontrou minha reserva. Obrigado Senhor. Por volta de 1 hora da madrugada eu finalmente fechei meus olhos e tentei dormir e avastar minha má sorte.

Na manhã seguinte, tudo funcionou simplesmente bem. O voo estava na hora. Eu fui para Helsique. E porque carreguei meu telefone com meu novo carregador, eu pude ligar para meu pai enquanto estava dirigindo para a Alemanha e pedi para levar algumas roupas para mim para o aeroporto. Não chegou nem perto de ser o suficiente para eu ir em minha casa e fazer minha própria bagagem. Mas meu pai me trouxe algumas roupas para minha viagem para China. Enquanto estava esperando, eu fui ao shopping center perto e comprei algumas coisas que perdi juntamente com minha bagagem. Um carregador normal para celular, sabonete, shampoo, desodorante e coisas como estas. Você não pode acreditar, mas quando eu estava voltando para o aeroporto de taxi, eu recebi uma mensagem da minha agencia de viagem, que minhas bagagens perdidas tinham chegado em Helsique cerca de meia hora atrás...com um sorriso no rosto, eu pensei... bem agora tenho tudo em dose dupla. Encontrei minha mala. Meu pai veio. Trazendo me outra mala. Tomamos um café rapidamente, porque eu estava apressado para entrar na sauna no aeroporto, a qual tinha reservado anteriormente... Sim ... Temos saunas mesmo nos aeroportos na Finlandia. Só uma coisa, estando apressado para a Sauna, eu não lembrei de dá minha mala extra para meu pai... De qualquer forma, eu tinha muitas coisas para uma viagem de apenas 3 dias para China, roupas sujas comigo. Mas pelo menos eu estava de volta ao cronograma, e relaxado após a sauna pronto para ir novamente.

Neste momento, pensei que poderia finalizar minha história apenas desejando lhes Feliz Natal e Feliz ano novo... Tem sido uma longa história, mas mal sabia eu, que ela seria ainda maior daqui em diante. Você deve pensar que tudo de errado já havia acontecido, mas acredite ou não. Havia mais por vir...

Depois de passar umas cinco horas no aeroporto de Helsique, eu estava um pouco cansado de viajar, mas pronto para ir de qualquer forma, O voo estava embarcando no horário previsto. Como mencionei , na Finlandia, tudo funciona... Bem, quase. Atrasamos meia hora em virtude de toda preparacão contra o frio. Mas eu tinha tempo de sobra em Copenhagen. Tudo ocorreu bem. Desembarcamos na hora prevista, mas tinha um longo caminho até a nossa porta de embarque. Eu comecei a ficar um pouco apressado por que o aeroporto de Copenhagen é muito grande, você pode acreditar que minha porta era a ultima do outro lado...onde mais poderia estar... Tive que caminhar rapidamente... porque nós tinhamos decido com Jarmo que não importava o que acontecesse, nunca correriamos no aeroporto. Se perdemos o voo, então que fosse assim ... Desta vez eu o fiz .

Continua....

Nenhum comentário:

Postar um comentário